4 de dez de 2009

Radar Educomunicação III

Educomunicação no Fórum Social Mundial
O Fórum Social Mundial 2010 vai se realizar em Porto Alegre-RS e cidades vizinhas entre os dias 26 e 28 de janeiro. Em Novo Hamburgo, por exemplo acontecerá o Acampamento Intercontinental da Juventude – 10 anos.
Com o tema “Os Movimentos em Movimento”, o AIJ-10 anos propõe o resgate de espaços significativos das edições anteriores, avançando, ao mesmo tempo, na prática de novos conceitos construídos pelos jovens na última década.
Um dos espaços desse evento será o Laboratório de Conhecimentos Livres – Espaço para convergência dos debates relacionados à comunicação e o acesso democrático a ela, bem como de construção de práticas de educomunicação e descentralização da informação.
As informações foram divulgadas pelo Juventude Solidária.



Educomunicação na UFC – Ceará
As oficinas que vêm sendo realizadas na Comunidade dos Trilhos como é conhecida a comunidade São Vicente de Paulo pela disciplina de jornalismo no 3º setor sob a responsabilidade da professora Márcia Vidal são de teor educomunicativo.
No dia 31/10 foi realizada a Oficina Crítica da Mídia. Em 07/11 e 14/11, a de Telejornalismo; e ainda no dia 14/11 e 21/11, a Oficina de Jornalismo na Internet.

“O Olho Mágico é um projeto social de Educomunicação.
O projeto se utiliza do meio de comunicação audiovisual.
A iniciativa tem como principal característica o uso das mídias móveis (câmeras digitais fotográficas, celulares com câmera, gravadores portáteis e etc). A Comunidade dos Trilhos foi a primeira a receber esse projeto. Adolescentes que moram no local formam o Núcleo,” informa o blog Formigas do Parc-UFC.
Programa de Assessoria Técnica e Sócio-cultural às Rádios Comunitárias do Ceará (Parc).
Criado em 1987. Coordenação: Profª. Márcia Vidal Nunes Desenvolve atividades em Comunicação Comunitária/Popular/Alternativa. Ligado à Coordenadoria de Integração Universidade- Movimentos Socias da Pró-Reitoria de Extensão da UFC. Contato: formigasdoparc@gmail.com






Educomunicação em CEU do Jd. Vila Nova, em São Paulo-SP

O Núcleo de Ação Educacional do CEU Azul da Cor do Mar teve momento formativo em Educomunicação do programa “Nas Ondas do Rádio” para conhecer o funcionamento do software Audacity, no dia 27 de novembro de 2009. Foi mediador do evento, o coordenador do Programa, Carlos Alberto Mendes de Lima. Carlos.

“O laboratório de Informática Educativa da CEU EMEF Prof. Conceição Aparecida de Jesus estava lotado com alunos, professores e funcionários da própria EMEF, da Gestão do CEU Azul da Cor do Mar, da CEU EMEI Jd Vila Nova e do CEU CEI Azul da Cor do Mar,” afirma a coordenadora do Núcleo, Rosa Rogerio.

O Núcleo de Ação Educacional constitui um dos três núcleos de ação do CEU e é responsável por coordenar os projetos educacionais do CEU articulando-os com as três Unidades Educacionais (CEI, EMEI e EMEF), com o Núcleo de Ação Cultural, com o Núcleo de Ação de Esporte e Lazer e com a comunidade.
O CEU Azul da Cor do Mar é administrado pela gestora Bernardete Marcelino e o Núcleo de Ação Educacional é coordenado pela professora Rosa Rogerio.


Educomunicação em Cambuci, São Paulo-SP
O blog Vida Universitária divulga que dia 26 de novembro de 2009, o bairro Cambuci, em São
Paulo-SP recebeu o projeto NET Comunidade, uma iniciativa que incentiva o protagonismo da população local na transformação social, tendo como eixo de trabalho a educomunicação.
Trata-se de uma realização da empresa NET com a parceria da Prefeitura de São Paulo, do Instituto Asas e da Associação Cidade Escola Aprendiz, e está instalado na Incubadora de Projetos Sociais.
Serão oferecidas oficinas gratuitas para toda a comunidade de jornalismo, fotografia, mídias digitais, produção audiovisual, entre outras. Todo conteúdo produzido nas oficinas será divulgado por meio da Agência Comunitária, uma agência de notícias a serviço do bairro. Reportagens e programas selecionados também serão transmitidos pelo canal NET Cidade (canal 15 da NET em São Paulo).

Fotógrafo educomunicador
O fotógrafo Luciano Sarote, de Curitiba/Araucária-PR é também jornalista formado pela Universidade Positivo, Curitiba - PR.
Atua como Fotógrafo Free lance.
Ganhador em alguns concursos de fotojornalismo entre eles o Unesco Photo Contest, concurso mundial, sendo apenas dois brasileiros selecionados com a melhor imagem do mundo.


“Sempre que posso participo (com maior prazer), como voluntário em oficinas de fotografia, projetos de educomunicação. Estes garotos são da perifireria de Colombo, mesmo levando uma vida difícil, mostram interesse e potencial aproveitando as oportunidades por mais curtas que sejam.,” expressa o fotógrafo.


Educomunicação no Vietnã
As irmãs salesianas (FMA) continuando aprofundando a educomunicação em sua missão educativa. Dessa vez o tema gira os encontros formativos no Vietnã. Um grupo de 30 irmãs de três comunidades da Inspetoria Maria Auxiliadora (VTN) encontrou-se em Bao Loc no dia 24 de outubro, e um outro grupo de 78 Irmãs e 22 noviças de outras oito comunidades se encontrou no dia 31 de outubro em Tam Ha para estudar e aprofundar o texto do Gong 4 Educomunicação. Pequenos passos na nova cultura.
No final dos dois dias, toda desejaram que continue o aprofundamento do Gong 4.
Foram as próprias Irmãs que propuseram: «Queremos continuar a refletir e discutir na nossa comunidade como podemos realizar a educomunicação na nossa missão».
«É verdade que a educomunicação é um caminho para atualizar o carisma – disse uma das irmãs participantes – e é o que todas nós devemos fazer, isto não é tarefa somente da equipe de comunicação, como eu pensava até agora!».


Embrapa-Rondônia desenvolve projeto educomunicativo
“Desenvolver atividades de educomunicação para a divulgação científica que proporcionem aos jovens rurais o protagonismo de ações, que internalizem conceitos, discutam e divulguem junto à comunidade ‘o que a ciência faz’ e ‘o que a sociedade pode fazer’ em relação aos impactos ambientais da atividade agropecuária”.
Com essas palavras, a comunicóloga e pesquisadora da Embrapa-Rondônia, Vânia Beatriz de Oliveira, define os objetivos do “Programa de educomunicação científica para a inclusão social de jovens ribeirinhos do rio Madeira”, durante sua apresentação no Foro Iberoamericano de Comunicação e Divulgação Científica, que aconteceu entre os dias 23 e 25, na Unicamp.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada por comentar o meu blog. Responderei nesse mesmo espaço!
Abraços educomunicativos!