29 de set de 2009

Minhas twittadas em setembro de 2009

Minhas twittadas em setembro de 2009


@joaomattar Sucesso no mini-curso, Mattar! Estou aqui de longe acompanhando seu sucesso e mediação do mini-curso.
Educomunicação chega aos jovens da República Tcheca e Eslováquia através das FMA/SDB - Confira:http://antoniaalves.blogspot.com/
Educomunicação se multiplica entre salesianas pelo mundo - http://bit.ly/fe03D
Ainda sobre a entrevista de Martín-Barbero pela Folha - http://bit.ly/4iDC07

antoniaalvesSep 02, 2009, 7:39pm via Web
Secretário (SEED/MEC) Carlos Eduardo Bielschowsky concede entrevista ao Aprendaki - http://bit.ly/gBkEk
antoniaalvesSep 02, 2009, 7:38pm via Web
Aprendaki faz reportagem sobre EAD contando história, desafios, perspectivas... -http://bit.ly/1okB1b
antoniaalvesSep 02, 2009, 7:36pm via Web
Aprendaki disponibiliza espaço gratuito para educadores criarem webquest para seus alunos - http://www.aprendaki.net/webquest

27 de set de 2009

Educomunicação ganha o mundo


A educomunicação vem ganhando o mundo por meio de iniciativas, projetos, cursos e interesse daqueles que são apaixonadas pelo tema. As Salesianas (Filhas de Maria Auxiliadora) vêm trabalhando a área desde os anos 90 em diversos países.

De acordo com o Infonline, as irmãs e os salesianos (Salesianos de Dom Bosco) da República Tcheca e da Eslováquia lançaram um projeto sobre o tema para os animadores dos seus centros juvenis. Trata-se de uma escola organizada em quatro cursos com duração de dois anos. Ao final, haverá um festival para apresentar as produções realizadas pelos jovens.

"O objetivo final desta iniciativa é tornar conhecido aos jovens, com a ajuda de profissionais, de diversas atividades e de vários workshops etc., os valores e os perigos dos diferentes meios de comunicação e o seu impacto sobre suas vidas. Deseja-se dar aos jovens a possibilidade de aprender a utilizar os meios de comunicação de modo crítico e adquirir competências para poder transmitir a outros jovens os valores da vida usando produções já realizadas ou criando outras novas.

No início de setembro aconteceram em todas as duas nações as jornadas de inauguração dos cursos, com a participação dos superiores, tantos dos salesianos quanto das FMA, da ASC e VDB. Depois de um momento de oração e da entrega do programa da escola, os superiores presentearam os protagonistas da escola com uma crônica ainda nova, vazia, como símbolo de algo que começa e espera ser preenchido com alguma coisa significativa para os jovens de hoje. Os cursos da escola começarão em outubro, primeiro na República Tcheca e depois na Eslováquia. O festival final internacional será no verão de 2011.

«Iniciativas deste tipo são sinal de que nossa família está viva», disse o inspetor eslovaco dos salesianos. A inspetora das FMA acrescentou: «Desejo-lhes que os seus alunos sejam abertos e sensíveis, para que possam ser entusiasmados evangelizadores também através da mídia».

Fonte e foto: Infonline

22 de set de 2009

Secretaria de São Paulo credencia educomunicadores

A Secretaria de Educação da cidade de São Paulo abriu edital em julho para o credenciamento de Educomunicadores junto ao Programa Nas Ondas do Rádio, conforme Diário Oficial do Município do dia 14/7/2009, páginas 71 e 72.

De acordo com o coordenador do Programa, Carlos Alberto Mendes de Lima, o edital foi um sucesso. "Tivemos muitas inscrições e agora a fase seguinte é verificar documentação e selecionar a primeira equipe que irá juntar-se a nós para avançarmos com implementação de projetos educomunicativos nas escolas e unidades escolares da Rede Municipal de Ensino de São Paulo," comemora.

No final de agosto foi finalizada a etapa de credenciamento de formadores. A ampliação do programa acontece nas áreas de Informática Educativa, Sala de Apoio Pedagógico, Sala de Leitura, Necessidades Especiais e EJA - Educação de Jovens e Adultos.

"Estamos nos adaptamos à nova realidade. Estamos desenvolvendo nosso trabalho utilizando o computador e a Internet para impulsionar ainda mais a Educomunicação em nossa rede," aponta Carlos Eduardo. Ele acredita que estão marcando um momento histórico. "Estamos trazendo gente de excelente qualificação para unir esforços para tornar o Programa um espaço para o aprendizado das linguagens midiáticas aberto a todos", festeja.

O momento atual é de expectativa para o edital do Programa para que o professor que queira trabalhar a proposta de Educomunicação na escola, tenha os subsídios necessários para o bom desenvolver do processo.

Além da Rádio Escolar, o objetivo do Programa é trabalhar com outras linguagens como vídeo e jornal mural.

Enquanto isso, vamos acompanhando o Nas Ondas do Rádio no Twitter!

11 de set de 2009

Educomunicação se multiplica entre salesianas pelo mundo

Trinta irmãs (freiras) salesianas de Camarões, do Congo, de Gabão e da Guiné Equatorial - África - estudam a Educomunicação. O estudo partiu da antropologia cristã como fundamento da educação e seguiu pelo tema: “O passaporte para a internet: compreender as novas tecnologias para anunciar melhor a Boa Notícia”.

"Depois de uma análise aprofundada das vantagens e dos perigos das mídias, houve uma partilha em grupo para melhor compreender o relacionamento pessoal com as novas tecnologias e a relação dos jovens com estas mídias.

Os outros temas tratados nos dias sucessivos foram: a relação interpessoal e educativa, a educomunicação e as novas prospectivas. Segundo a lógica multidimensional de Ir. Caterina Cangià, a educomunicação tem quatro coordenadas: a comunicação interpessoal, a comunicação através dos meios, a comunicação de massa, off-line e on-line e a comunicação com as coisas.

O último dia foi reservado à formação prática: um tempo dedicado à aprendizagem de técnicas de videoclipes musicais, para melhorar os powerpoints produzidos e criar um produto multimidial, além disto, uma seção para elaborar um projeto global inspetorial de educomunicação. "

Fonte e foto: Infoonline


Ainda sobre a entrevista de Martín-Barbero

Numa discussão na lista de discussão EAD-BR a respeito da entrevista que a Folha de São Paulo realizou com Martín-Barbero levada ao grupo por João José Saraiva da Fonseca (Doutor em Educação / Mestre e Especialista em Educação Multicultural), fiz uma argumentação e gostaria de expô-la aqui.

A entrevista com Martín-Barbero desvela um horizonte muito presente hoje em nossa sociedade midiatizada. No livro citado na entrevista, sua obra prima, "Dos meios às mediações", aborda determinados exemplos em que as pessoas se apropriam de determinadas citações, como o uso de uma rádio comunitária, para melhorarem enquanto pessoas.

Pensando nesses exemplos e fazendo um paralelo com sua fala final nessa entrevista registrada abaixo, vejo que a educomunicação é uma alternativa viável:

"Temos acesso a tantas coisas e tantas línguas que já não sabemos o que queremos. Hoje há tanta informação que é muito difícil saber o que é importante. Mas o problema para mim não é o que vão fazer os meios, mas o que fará o sistema educacional para formar pessoas com capacidade de serem interlocutoras desse entorno; não de um jornal,
uma rádio, uma TV, mas desse entorno de informação em que tudo está mesclado. Há muitas coisas a repensar radicalmente. "

O desafio dos educadores é dar condições para seus alunos se apropriem das tecnologias (do como fazer/utilizar as técnicas e meios) para ressignificar sua vida e daqueles que estão ao seu redor. Exemplos dessa situação são os muitos projetos que estão pipocando pelo Brasil por meio da assessoria do Núcleo de Comunicação e Educação (NCE) da
USP que tem como principal expoente o professor Ismar de Oliveira Soares, coordenador do NCE/USP
.

A proposta educomunicativa trabalha por meio de áreas. Uma delas é a mediação tecnológica em que o Ensino a Distância (EAD) se encaixa como demonstra o professor Ismar em artigo do livro "Ensino Online" organizado por Marco Silva.

A mediação tecnológica e educomunicativa cria uma atmosfera de negociação, de comunicação, de argumentação, tornando o fazer pedagógico mais democrático e dando condições aos estudantes de se tornarem co-produtores de sua aprendizagem.